Juliano Abramovay

Violão, Alaúde e violão fretless

 
Juliano Abramovay Guitar

Juliano Abramovay é multi-instrumentista e compositor. Após estudar violão clássico na Escola Municipal de Música de São Paulo e na Faculdade Santa Marcelina, com Paulo Porto Alegre, Daniel Murray e Paola Pickerkzy, Juliano passou a se dedicar ao alaúde, violão fretless e bag lama, pesquisando a música tradicional da Grécia e Turquia. Mestre em processos de criação musical pela USP, concluiu recentemente um segundo mestrado em Música Clássica Otomana na Codarts - University for the Arts, em Roterdã, estudando com Kudsi Erguer e Michalis Cholevas.

Juliano busca  um constante diálogo entre diferentes linguagens em seu trabalho, produzindo trilha sonora e música ao vivo para espetáculos de dança (Morena Nascimento, Rana Gorgani), circo (Sophia Oltmanns), cinema (Fernando Meirelles), teatro (grupo 59 de teatro) e contação de histórias (João Acaiabe, Joana Garfunkel). Após fazer parte dos grupos Grand Bazaar, Orkestra Bandida e tocar com Luiza Lian, atualmente cria projetos que combinam a riqueza melódica da música tradicional do Leste do Mediterrâneo com o sua formação como músico brasileiro, com os projetos Amazonon e Magma Project.

 

Sua pesquisa em improvisação da música do Leste do Mediterrâneo foi premiada com o 1o lugar no festival Connect! 2018 e 2o lugar na Fontys research competition. Trabalhou no departamento de comunicação do Festival de Inverno de Campos do Jordão, da Escola de Música do Estado de São Paulo e como artista orientador do Programa Vocacional.

Juliano Abramovay Amazonon

O nome Amazonon busca explorar uma ambiguidade de identidade, uma vez que evoca a mitologia grega, com a tribo das Amazonas, ao mesmo tempo em que remete à nossa brasileira selva amazônica. A busca por uma música que dialogue com diferentes regiões culturais e geográficas é uma das principais buscas grupo, que explora em particular duas tradições musicais; a música do leste do Mediterrâneo (Grécia, Turquia e Oriente médio) em toda sua complexidade melódica com a riqueza plural da música brasileira. 

Amazonon Αμαζόνων

Juliano se apresenta no violão, violão sem traste
e alaúde, este último, um instrumento tradicional presente no Leste do Mediterrâneo e Oriente Médio. Esta região é marcada por tradições musicais milenares com sistemas modais onde melodia e percussão são os elementos de destaque. Ao mesmo tempo, elementos da música brasileira se apresentam em composições originais, bem como nos arranjos do grupo.


O grupo se encontrou com Chrysanthi Gkika (Grécia) em Agosto de 2019, quando realizou uma série de shows em São Paulo e gravou o seu primeiro album, “Amazonon . Em 2020, o grupo retorna ao Brasil para o Lançamento do Album.

 
Mundus Quartet Juliano Abramovay Bence Huszar Emine Bostanci Sjahin During

Mundus Quartet

A música do Quarteto Mundus combina a herança de tradições atemporais vindas do amplo mundo da música modal contemporâneo, a música de Makam e Sufi originada na Rota da Seda.


O Quarteto Mundus foi fundado em 2019 na Holanda, com músicos vindos de diferentes cantos do mundo. Sua música é tão diversa quanto as suas origens, misturando paisagens sonoras coloridas da música bizantina, da Ásia Menor, mediterrânea e dos Balcãs além de elementos improvisados da música contemporânea. Os músicos, ancorados em uma tradição vigorosa, estão em sintonia com o mundo de hoje e mais do que nunca receptivos a outros estilos musicais.

 
Magma Quartet Juliano Abrmaovay Ivan Vendemiatti Tarang Poddar

Magma Project

Magma é o coração da Terra, o Sol dentro de nosso próprio planeta. É onde tudo se encontra e se une, uma amálgama de energia vital que está em constante expansão, eventualmente transbordando para a superfície e cria novos territórios ao fazê-lo.

O grupo se formou em 2019 por músicos interessados na junção de instrumentos pertencentes a diferentes tradições musicais. Combinando instrumentos da tradição indiana (tabla e bansuri), com o alaúde, presente no Oriente Médio, e os brasileiros violão de 7 cordas, zabumba e pandeiro, o grupo recria arranjos de composições de Egberto Gismonti, Sinuca, Heraldo do Monte, Egildo Vieira, além de apresentar novas composições que dialogam com diferentes tradições musicais. 

 
 

Mucirque

Sempre em forma de jogos e brincadeiras, a artista de circo Sophia Oltmanns e o músico Juliano Abramovay pesquisam diferentes combinações entre o violão e malabares.

Em um trabalho de pesquisa inovador, o duo desafia os limities impostos por suas disciplinas com alto nível técnico e criatividade.

Juliano Abramovay past projects

Projetos Anteriores

 
Juliano Abramovay Albuns

Albums

 
Juliano Abramovay Foto

Aulas

 

Juliano leciona na Codarts - University for the Arts, Conservatório localizado em Rotterdam, Holanda, com um departamento dedicado a tradições músicais de diferentes regiões do mundo (India, Turquia, Argentina e America Latina). Juliano experiência em lecionar diferentes estilos musicais: Já atuou como orientador do Programa Vocacional, como professor na escola de música Atelier de la Musique e realizou workshops em diversos países.

Clique aqui para agendar uma aula.

 
Juliano Abramovay Instrumentos Musicais

Medias sociais

 
 

Contato

  • Facebook Social Icon
  • Instagram
  • SoundCloud Social Icon

© Juliano Abramovay 2019

Este site foi desenvolvido com o construtor de sites
.com
. Crie seu site hoje.
Comece já